Hoje, enquanto assistia Ídolos, com a participação especial da cantora Paula Fernandes, ouvi da boca dela algo que esperava ouvir, ou ver, de algum cantor evangélico famoso, mas que, infelizmente, quando ouço de algum deles, falta verdade, falta prática de vida. Com poucas palavras e uma atitude belíssima, ela disse para cada um dos que estavam na concorrência por se tornar um “Ídolo” que ser Ídolo não é se afastar das pessoas, que o caminho mais difícil é não deixar subir à cabeça, mas que este é o caminho para o sucesso!

Uau!

Me entristece o fato de ver cantores do meio Gospel que têm um talento notável dado por Deus, usados pela graça d’Ele para abençoar e levar tantas vidas até Jesus, tornarem-se, pouco a pouco, intocáveis pelas pessoas.
As próprias pessoas criam um pedestal para eles e, ao invés de descer dele, demonstrando serem humanos e falíveis como qualquer outro, eles (a maioria) permanecem sobre o pedestal! Acomodam-se com o “paparico” do público e acabam perdendo o foco: SEREM parecidos com Jesus!

O Jesus a quem conheço (porque eu o conheço, e tenho certeza disso) não distanciava pessoas, com medo de que elas o tocassem, mas ia até aqueles que não podiam chegar a Ele. Jesus amava a todos! Inclusive aquele que o traiu.. Meu Jesus não subia em um pedestal de superioridade. Pelo contrário, Ele desceu! Desceu de toda Sua Glória para tocar as pessoas, para doar-se a elas! E a ordem que Ele nos dá é a de testemunhar sobre quem Ele é! Infelizmente, quando olho para certas estrelas do meio Gospel, não consigo vê-lo! Não vejo Aquele que me amou e aceitou apesar de meus pecados, apesar de que eu sou.

Como não sou alguém influente, alguém cujo as pessoas ouçam e ponderem as palavras para agir de acordo com meus conselhos, tudo o que posso é orar. Entregar nas mãos do meu Jesus seus representantes nesta terra para que Ele (alguém tão influente, porém humilde; tão próximo às pessoas!) possa se aproximar daqueles que, por pensarem que o encontrarão neles, sonham um dia conhecer, conversar ou somente tocar esses “representantes de Cristo”. Oro para que ao sentirem-se frustradas ao serem esnobadas e rejeitadas pelas estrelas, possam encontrar aceitação e guarida ao olhar para o Sol da Justiça! Ele é quem deve brilhar! Através daqueles que escolhem ser como a Lua e refletirem Sua luz! Ele vai brilhar!

Em Jesus,

Anúncios