Quero agradecer de coração a todos que me acompanharam até aqui. Que leram um pouco sobre minhas experiências e, de alguma forma, se identificaram. Começou como um diário de desabafos, terminou como um caderno de inspirações e compartilhamento de reflexões. Muita coisa mudou de 2009 pra cá e infelizmente o blog não cabe mais nesse novo contexto.

Sigo um novo rumo.

Muita paz e amor!

Douglas =/

Anúncios

blog

Às vezes não me reconheço.

Sinto como se o mundo me olhasse com olhos maus. Como se devesse algo a todos. Assim, o que se passa dentro de mim é uma enorme sensação de vazio. É como se chorasse sem lágrimas, sorrindo por fora, mas por dentro, fizesse uma oração longa e questionadora, perguntando por que as coisas são assim.

Ouço comentários sobre mim, feitos por pessoas que dizem me querer bem, mas que não me mostram direções, apenas me apontam para mais dúvidas e insatisfação com quem sou. Não sou perfeito! Isso é fato. Fato também é que quem ama, ama. E tenho recebido poucas demonstrações de amor.

Cobranças? Muitas. Nem consigo contar!
E, assim, eu mesmo passo a não me aceitar como sou. Mudo, não porque sou feliz, mas para  (quem sabe (um dia)) ser.

Contudo, isso não passa de um detalhe pequeno, como uma gota no oceano, quando lembro que minha vida é feita de estações. Nada é eterno neste mundo. Se sofro, é por um tempo. Se me alegro, isso também vai passar, mas terei sempre a certeza de que, mesmo que a tristeza venha novamente, um novo dia dará lugar a uma nova estação.

Este é o milagre da vida. Feita de superações. Vivida por quem vive, e não apenas sobrevive. O que eu quero é ser, fazer, viver como quem sou. Sem me importar com quem querem que eu seja.

O tempo? …
“Forma as cores no Céu, marcando o encontro das estações.
Conta a história de amor que não se perdeu no tempo que passou, e que hoje ainda me ajuda a enxergar, a cada momento, que viver é AMAR!
O tempo não volta nem pode parar, mas me dá a chance de recomeçar.
O tempo é tempo. Não pode curar, mas é no tempo que escolhes me encontrar.
Esquecendo o tempo que passou, segurando tua mão, Senhor!
Eu vou recomeçar…”

Seja você. Seja feliz. Tudo muda, então, mude.
No tempo certo, tudo vai acontecer.

Abraços calorosos!

Douglas ;P

blog

“A oração dos justos pode muito em seus efeitos” (Tiago 5: 16)

O inimigo veio com opressão e retalhações sobre mim esta tarde! Do início da tarde, até alguns minutos atrás eu estava passando muito mal! Muitas dores!

Quando fui dormir, tive sonhos em que tentavam fazer mal a mim, estava perdido, muitos demônios em figura humana me cercando por todos os lados e a dor só aumentava!

Quando acordei, glorifiquei a Deus por ter passado! Pedi a cura da dor e me recusei a tomar remédios. A dor mais forte passou, mas ainda restava uma dor nos olhos. Sentia que ainda era espiritual! Pedi a uma amiga intercessora (Suzana) pra orar e ela profetizou sobre mim – através do chat do facebook!

Enquanto ela profetizava, minha mãe colocou as mãos sobre a minha cabeça e orou. Quando falamos “Amém!”, senti como se algo frio descesse da cabeça para meu pescoço e saindo. A dor foi embora INSTANTANEAMENTE!

A oração dos justos pode muito em seus efeitos! E eu glorifico a Deus por me cercar de pessoas que se chamam pelo nome d’Ele!

Como a Suzana falou: “Toda e qualquer retalhação sobre o meu corpo esta repreendido em nome de Jesus! Toda dor,
toda preocupação estou lançando no fundo do inferno! Voltará para lá!”

EU RECEBO toda Palavra de benção e REJEITO o que não vem de Deus para mim!

Deus seja louvado!

Douglas =)

agradaradeus

“Acaso busco eu agora a aprovação dos homens ou a de Deus? Ou estou tentando agradar a homens? Se eu ainda estivesse procurando agradar a homens, não seria servo de Cristo.”

(Gálatas 1: 10)

Como líderes de louvor, ministros do altar, somos tentados pelas facilidades de falar, cantar, ministrar apenas aquilo que agrada às pessoas. Ministramos a música do momento, falamos aquilo que arranca manifestações de aprovação, aplausos, enfim..

Isso é muito fácil! Porém, é fato, e as escrituras nos dão base para dizer com propriedade, que as coisas que agradam ao povo, nem sempre (quase nunca) agradam a Deus. De qualquer forma, no período de louvor, ministramos aos homens!

Então, o que devemos ministrar?

Esta pergunta, por muitas vezes soou dentro de mim. Sempre em momentos de crise, quando eu sabia que o que Deus me direcionava a fazer ou a falar na ministração, não seria recebido com sorrisos por parte da igreja ou da liderança.

Lembro-me de uma vez, em especial, em que, nesse conflito, Deus usou um profeta (em mistério) para dizer a mim: “Ministra o que está em teu coração, filho!”. Levei um susto na hora, porque não estávamos em uma reunião de oração, mas dentro da sala de um escritório. Aquilo foi um grito de Deus, confirmando o que eu já sabia, mas não estava disposto a aceitar.

O que aprendo, tanto com minhas experiências pessoais, quanto com esta carta do Ap. Paulo aos Gálatas, é que, apesar de ministrar a homens, de nada vale, se não estiver cumprindo o querer do Senhor, em primeiro lugar.

Antes de agradar pessoas, o alvo do meu agrado é Deus! Fazer aquilo que Ele quer! Servir a Cristo e ser como Ele, levando Sua Palavra às pessoas ao meu redor. Se não for assim, não somos servos de Cristo.

Não importa o que Deus está te direcionando a ministrar! Você tem buscado viver no Centro da Vontade do Senhor? Então, creia que Ele tem posto dentro de você a vontade d’Ele. Com ousadia, agrade ao Senhor, libere a Palavra. Sirva a Cristo em primeiro lugar, afinal, foi para isso que fomos chamados.

No amor do Cordeiro e autoridade do Leão.

Douglas

recomecar_e_um_privilegio_blog

Oi! Quanto tempo!

Cheguei este fim de semana, de uma viagem ao Paraná. Foi uma semana inteira de muito refrigério por parte de Deus e diversos momentos de alegria com amigos e pessoas que já conhecia, mas não tive oportunidade de conhecer a fundo. São amigos que estudaram comigo no CTM. Alguns, de turmas mais antigas, ou foram primeiro ano quando eu já estava no segundo, outros, tive o prazer de conhecer durante a viagem, mas parecia que nos conhecíamos há anos, pois falávamos a mesma linguagem: a do Espírito.

004

O que fui fazer no Paraná? Bem, após o CTM (2008 – 2009), os alunos devem ter um período prático de um ano no campo missionário, eu iria para Portugal, mas Deus não quis que isso acontecesse, sendo assim, consegui que o CTM reconhecesse meu retorno para minha igreja local implantar a visão missionária, como o período prático, mas isso foi só em 2011. Concluindo o CTM, estava livre para fazer a convalidação do Diploma de Teologia na Faculdade Teológica Sul Americana (FTSA), que fica em Londrina – PR. Esse curso é feito à distância e, após um ano de curso, finalmente, tive que realizar a semana presencial, exigida pelo MEC e, assim, encontrar esses amigos que estavam na mesma situação que eu.

061

Confesso que saí de casa rumo ao Sul com uma enorme  sensação de que não merecia nada daquilo que estava acontecendo. Era um sentimento de injustiça, como se eu não tivesse feito nada para que Deus me presenteasse dessa forma! Só Ele sabe o quanto são preciosos para mim os momentos com meus amigos. Estava indo mais pela viagem, para fugir dos afazeres do dia a dia e não esperava que nada além disso acontecesse. 

060

Em meio a aulas, explicações bíblicas, momentos de devocional, adoração, quebrantamento, brincadeiras e alegria com os amigos, pude ver e sentir a mão do Senhor me restaurando em minhas motivações, em meu coração, em meus sonhos e projetos futuros. Foi como se o próprio Deus me fizesse relembrar Suas promessas para mim e para aquilo que Ele tem a fazer através de minha vida e ministério.

005

Não tenho palavras para agradecer. Tudo o que sei é que recomeçar é um privilégio. E, pensando em compartilhar minhas impressões, não pensei em outro lugar senão aqui. E percebi que a fase que me levou a fechar o Blog, passou. Me sinto feliz em reabri-lo e poder dizer que estou em paz com tudo aquilo que tenho vivido. Sei que Deus está comigo e que Ele me dará forças durante todos os dias de minha existência.

003

Espero que voltem a acompanhar, comentar e viver comigo esse novo tempo.

Afinal,recomeçar é um privilégio!

Abraço forte!

Douglas 😉

Ontem, estava conversando com minha amiga, Sarah, sobre crises, dúvidas, coisas que precisamos colocar diante do Senhor e, de repente, nos veio a ideia de iniciarmos um propósito juntos. Para nossa surpresa, exatamente hoje começa a contagem regressiva de 40 dias até o fim do ano! Isso, para mim, foi uma confirmação de Deus do que deveria ser feito.

Sempre quis ser um cristão que jejuasse com frequência, e desde a última vez que eu e Sarah começamos um propósito de oração por resposta de Deus, o jejum virou um hábito para mim. Vejo, assim que a mão do próprio Deus impulsiona nossas vidas rumo a um propósito maior, que é estar cada vez mais perto d’Ele.

Comecei a ler o livro de Levítico ontem, e hoje, enquanto lia o capítulo 6, algo me chamou atenção. Um versículo que diz: “O fogo arderá continuamente sobre o altar; não se apagará” (Levítico 6:13). Enquanto navegava na Internet, novamente, me deparei com esse versículo. Curioso, pesquisei o significado disso. Encontrei o seguinte texto, que me surpreendeu!

O FOGO ARDERÁ CONTINUAMENTE SOBRE O ALTAR
(LV. 6:8-13)

Este texto é interessante para nós, pois, fala da manutenção do altar. Ele nos ensina como o altar deve ser mantido (o fogo aceso continuamente); ele nos fala do ofertante (como ele deve se apresentar diante do altar para o sacrifício) e de como devemos manter as nossas vidas em perfeito estado, como nos orienta a Palavra de Deus.

O holocausto oferecido ficaria durante toda a noite no altar e o fogo estaria queimando-o;

Ao amanhecer o sacerdote tiraria as cinzas e colocava mais lenha para que o fogo não viesse apagar;

O altar jamais poderia ficar sem o fogo aceso, pois o altar sem o fogo aceso significava altar sem a presença de Deus, quer dizer que ele estava em ruínas;

Fogo no altar era a confirmação de que Deus estava recebendo o sacrifício.

Que confirmação maravilhosa de que o Senhor está recebendo nosso sacrifício! Ele está atento a nossa renúncia em adoração e posso crer que Ele mesmo já se dispôs a nos capacitar e a responder o clamor de nossos corações a Ele!

Com o coração cheio de gratidão, quero te encorajar a colocar sua vida diante do Senhor! Mesmo que pareça difícil, pode parecer até impossível, mas Ele conhece a motivação do Seu coração e te dá forças para receber mais d’Ele em você! Ele é o maior interessado nisso!

Espero que estes 40 dias sejam dias de muita revelação, de ouvir a voz do Senhor de forma especial e de muita renúncia! Nos esvaziando de nossas próprias vontades e prazeres é que o Senhor nos enche com mais de Sua Glória para prosseguirmos sempre abundantes n’Ele. Vamos juntos, então, nessa jornada!

Que Deus nos abençoe hoje e todos os dias! Muito além dos 40!

Em Jesus (e em Paz),

Douglas =)

Se parar para refletir um pouco sobre sua própria vida, talvez você perceba que cobra muito de si mesmo (e dos outros), duvida muito de Deus e faz as coisas de uma forma inferior ao melhor que você poderia fazer. Acho que, assim,  muita gente deixa de ser feliz, por medo de arriscar, pisar no escuro, dar um passo de fé.

Talvez, tudo na vida fosse melhor se a gente parasse de pensar muito e começasse a agir mais! Não acha?!

A Palavra de Deus é cheia de exemplos de pessoas que venceram, cumpriram seu chamado, viveram o melhor do Senhor ainda nesta terra, e o que vejo em comum em todas elas é que foram pessoas de ação!

Imagine se a Bíblia fosse um livro exclusivamente de pensamentos, cheio de personagens que, ao invés de agir, ficariam, a vida toda, pensando em como seria se agissem de uma forma ou de outra.. Talvez, pessoas se renderiam a afrontas e morreriam frustradas por nunca terem sido inspiradas por Davi, ao arriscar sua vida ao enfrentar o gigante; outras cairiam no erro por não conhecerem a vida de Sansão. Conheceríamos bem menos a respeito da humanidade e pessoalidade de Jesus, se os Evangelhos nos trouxessem somente o que Ele pensava, ao invés de suas ações.

Movidos por exemplos de homens que se deixaram guiar pelo Espírito, podemos agir. E, por esse mesmo Espírito, podemos fazer obras muito maiores do que todos estes fizeram.

O que precisamos é conhecer ao Deus a quem servimos e conhecer Sua Palavra! Assim, nossas ações e impulsos estarão de acordo com Sua vontade! Digo conhecer, não de ouvir falar, mas de andar com Ele, ter relacionamento.

Aquele que é nascido do Espírito, age direcionado por Ele, “não sabes de onde vem, nem para onde vai”! (João 3: 8)

Quando agimos guiados por Deus permitimos que Ele nos surpreenda e, através dessa relação de confiança, Ele começa a nos confidenciar Seus segredos. Só assim nos tornamos seus!

O segredo do SENHOR é com aqueles que o temem; e ele lhes mostrará a sua aliança.” (Salmo 25:14. 2)

É lindo ver Deus agindo através de pessoas que em confiança, agiram por fé! Ver que muito além do “e se” (“e se não der certo?”, “e se Deus não fizer?”), a benção do Senhor estava sobre eles, e estes simplesmente agiram firmados nesta certeza, foram honrados pelo Pai!

O que vemos na Bíblia são pessoas que ousaram agir, agiram em nome do Senhor, movidas pelo Espírito e fizeram história, tiveram suas vidas marcadas com um selo! Tornaram-se referência de uma história cheia de Deus. Estes se renderam por completo! Se entregaram para viver o que ninguém antes viveu, ousaram caminhar em lugares altos, feitos incompreendidos por muitos, mas achados dignos de ser chamados amigos de Deus!

Oro para que, nestes dias, se levantem pessoas assim. Pessoas que aceitem o desafio. Que não esperem a vontade chegar para, depois, agir. Mas que, guiados pelo Espírito, com base na Palavra, agem com a benção e sob a unção do Senhor!

Viver pela fé também é isso! E se, lá na frente, tudo sair diferente do que você esperava, creia que Deus permanece no controle de tudo, pois sua vida não é mais sua.

É d’Ele!

Em Jesus,

Douglas =)

O significado de “Graça” é favor imerecido. Algo que se recebe sem ter dado nada em troca. Sob a graça, é necessário compreender que nós, seres humanos, não merecemos nada que venha da parte de Deus. Não merecemos Sua atenção, Seus cuidados, Suas bênçãos (por mais simples que pareçam ser)! No livro “Maravilhosa Graça”, Philip Yancey diz que, como alvo da graça divina, “não há nada que você possa fazer para Deus te amar mais; e não há nada que você possa fazer para Deus te amar menos”. Significa que somos alvo do amor de Deus, sem ter feito nada para merecer!

Compreender – e fazer com que se compreenda – esta realidade é fundamental. Apesar de a Graça não ser algo entendível pela capacidade limitada da mente humana, é necessário ter gravado no coração que não somos merecedores do que vem de Deus. Esta semana, li o livro “Consolo”, de Eleny Vassão, nele, ela fala que “Jó era agradecido pelos bens que Deus lhe permitira possuir. Ele não achava que Deus era obrigado a lhe dar todas as coisas boas por ele ser um homem bom. Sabia que tudo que recebia era pelo amor e pela graça de Deus, não por seus méritos pessoais” (Consolo, p. 39).

“Viver e aceitar a Graça é saber que se amamos a Deus é porque Ele nos amou primeiro e, assim, cultivamos em nós esse relacionamento com o Senhor, entendendo que se não fosse por Seu amor incondicional viveríamos uma “des”graça eterna, escravos do pecado, vulneráveis a todo tipo de ações do inimigo.”

Quando compreendemos isso, passamos a gerar gratidão em nosso coração, quer seja pela salvação que recebemos (que nos dá vida eterna), ou pelo dom da vida e das bênçãos que nos cercam no dia a dia. Ricardo Zandrino, faz a seguinte observação: “A gratidão gera alegria de viver e ser agradecido é a expressão de maturidade e saúde. A gratidão nos leva a sentir a vida como um presente constante” (Curar também é tarefa da igreja, p. 46).

Viver e aceitar a Graça é saber que se amamos a Deus é porque Ele nos amou primeiro e, assim, cultivamos em nós esse relacionamento com o Senhor, entendendo que se não fosse por Seu amor incondicional viveríamos uma “des”graça eterna, escravos do pecado, vulneráveis a todo tipo de ações do inimigo (Satanás e seus demônios). É preciso compreender isso para que nosso relacionamento com Deus não esteja baseado em momentos de bonança, e nossa fidelidade esteja acima de tudo o que Ele nos dá. Só assim, seremos fieis até o fim.

Em Jesus,

Douglas =)

 

O dia amanheceu chuvoso, devido a chuva que caiu ontem à noite enquanto vinha para o AVIVA JOVEM. Meus pais me trouxeram de carro e me deixaram por aqui. Logo no primeiro culto, um devocional onde o Jasom ministrou e um pastor (Maycon) do Itamaraty trouxe uma palavra, Deus já falou tanto ao meu coração!! O que destaco como mais poderoso foi a confirmação do cuidado e do amor do Senhor por mim…

Tenho passado por dias de desanimo, tristeza, desgaste espiritual, apesar de não estar me gastando… E, ontem, ao entrar no carro, orei ao Senhor, dizendo: “Senhor, que esse AVIVA JOVEM traga um novo tempo! O Senhor conhece meu coração, sabe o que eu tenho vivido e sabe que eu preciso que o Senhor esteja lá!”.

Quando houve a abertura do Devocional, um dos responsáveis da Mesa Regional trouxe uma pequena reflexão em Isaías 43: 18 – 21:

Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas. Eis que faço coisa nova, que está saindo à luz; porventura, não o percebeis? Eis que porei um caminho no deserto e rios, no ermo.Os animais do campo me glorificarão, os chacais e os filhotes de avestruzes; porque porei águas no deserto e rios, no ermo, para dar de beber ao meu povo, ao meu escolhido,ao povo que formei para mim, para celebrar o meu louvor”.

Quando li isso, compreendi que aqui, o que Deus quer para fazer coisas novas em mim, é que eu me desprenda de tudo o que já vivi até então. Coisas boas e ruins, desde meus maiores (e piores) pecados, até a excelência e o tratamento do CTM e Congressos do Diante do Trono. Preciso me abrir para o novo que Deus quer fazer em mim.

A letra que está marcada no meu coração por estes dias (desde ontem) é a de CREIO:

Creio em um Deus pra quem tudo é possível
Creio em um Deus que tudo pode mudar
Creio em um Deus que fez o céu, a terra e mar
Todo-Poderoso, mas é fiel pra se importar comigo”.

Hoje, acordei às 5:30h da manhã pra me aprontar e me preparar espiritualmente para a ministração do Louvor Distrital, que ficou responsável por liderar o louvor daqui a pouco. Sei que não depende só de mim, mas de Deus (se dependesse só de mim, eu estava ferrado!), e é por isso que quero estar pronto, consagrado, como um odre novo para suportar a glória, o vinho novo e a unção de Deus.

Ele está aqui!

Em Jesus,

Douglas.